Arduino – Utilizando o LDR

Arduino – Utilizando o LDR

Nesta prática você vai aprender a utilizar o LDR com o Arduino.

img00_arduino_utilizando_o_ldr_fotocelula_fotoeletrico_lampada_automacao_residencial

O LDR (Light Dependent Resistor ou Resistor dependente de Luz) é um resistor cuja resistência varia em função da luminosidade que incide sobre sua superfície. O fotorresistor, como também é conhecido, tem sua resistência diminuída à medida que a intensidade da luz aumenta.

O LDR pode ser utilizado nas mais diversas áreas, contudo, uma das principais aplicações deste componente é nos postes de iluminação pública. As lâmpadas instaladas nos postes que iluminam as ruas e praças, por exemplo, são acompanhadas de uma fotocélula e este dispositivo faz com que as lâmpadas acendam quando começa a anoitecer e que elas se apaguem quando o dia começa a clarear. Isto é possível devido ao LDR que fica dentro da fotocélula e faz o chaveamento de liga / desliga da lâmpada.

Aqui vamos fazer algo parecido, porém vamos utilizar um LED no lugar da lâmpada.

Você vai precisar dos seguintes itens para esta prática:

Arduino
LDR
LED
Resistor de 220Ω
Resistor de 10KΩ
Cabo Jumper macho-macho
Protoboard

Na imagem abaixo você pode ver o esquema de ligação que deverá ser feito:

ATENÇÃO: FAÇA TODAS AS LIGAÇÕES COM SEU ARDUINO DESCONECTADO DA ALIMENTAÇÃO.

img01_arduino_utilizando_o_ldr_fotocelula_fotoeletrico_lampada_automacao_residencial

Veja no esquema de ligação que há um resistor de 10K ligado em série com o LDR, formando um divisor de tensão e no meio deste divisor há uma ramificação que liga ao pino analógico A5. Através do ADC (conversor analógico digital) do Arduino, é bem simples medir as variações de tensão em um componente ou circuito, contudo, medir a variação de resistência não é. Por este motivo, é criado este divisor de tensão para que o pino analógico tenha um ponto de referência e consiga identificar quando a tensão vai variar em função do LDR, pois como eu disse antes, se a luminosidade sobre o LDR aumenta a sua resistência vai diminuir, logo, sempre que a resistência variar para mais ou para menos, a tensão naquela ramificação ( cabo conectado ao pino A5) também irá variar e esta variação poderá ser medida pelo Arduino.

Depois de terminar as ligações, basta carregar o código no Aduino. Se você ainda não instalou a IDE do Arduino, acesse o link abaixo e em seguida retorne para continuar:

Arduino – Instalação e Configuração da IDE no Windows

Conecte o Arduino ao computador, abra a IDE, confira a placa e a porta selecionada e carregue o código na placa:

Após o arquivo ser carregado, basta bloquear a luz na superfície do LDR para que o LED acenda. Para isso, utilize sua mão bem próximo a superfície do LDR para fazer sombra ou utilize algum objeto que tampe a superfície por completo.

Enquanto a luz estiver sendo bloqueada na superfície do LDR o LED vai permanecer aceso. Quando a luz voltar a incidir sobre a superfície do LDR o LED vai apagar.

Conforme mencionado anteriormente, o liga / desliga da iluminação pública é feito desta mesma forma que foi apresentada aqui, contudo o circuito possui mais componentes, pois o controle feito é sobre uma lâmpada em rede alternada e há também um relé.

Leia os comentários do código fonte para entender o que cada linha do código faz.

Na próxima prática relacionada ao LDR, vamos fazer a troca do LED por um módulo relé e uma lâmpada para deixar a prática mais interessante.

Gostou deste tutorial? Então deixa seu comentário, dúvida ou sugestão aí embaixo!

Loja online: https://www.masterwalkershop.com.br
Fan page no Facebook: https://www.facebook.com/masterwalkershop

Nos ajude a espalhar conhecimento clicando no botão de compartilhar (f Like) que está mais abaixo.

Obrigado e até a próxima!

Arduino – Utilizando o LDR
15 votos / Média de avaliação: 4.8 / Pontuação: 96%


Postagem anterior:
Próxima postagem:
Postagem feita por

Formado em Engenharia da Computação pela Faculdade Presidente Antônio Carlos, fundador e CEO da MasterWalker Electronic Shop. Se preocupa com o aprendizado dos seus clientes e daqueles interessados em aprender sobre Arduino e plataformas embarcadas em geral.

Existe 1 comentário para esta postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *